Notícia


 

 

            Foi aprovado na Sessão Ordinária da última segunda-feira (24) o Projeto de Lei 79/2.017 que “Autoriza o Poder Executivo a criar empresa pública denominada Empresa de Saneamento e Aguas de Bom Despacho S/A – ESABOM”.

            De acordo com o Projeto a Empresa será responsável por “planejar, projetar, instalar, executar, ampliar, remodelar e explorar direta e indiretamente, no território do município, serviços urbanos e rurais de captação, preservação, adução, tratamento e fornecimento de agua potável, e esgotamento sanitário”.

            No ano de 2018, foi instaurada na Câmara Municipal um Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar os fatores que levaram a grave crise no abastecimento de agua da cidade. Atraso na construção de estações elevatórias e o funcionamento irregular das estações de tratamento foram situações irregulares apontadas pelo relatório final dos parlamentares.

            “ O relatório final da CPI mostrou a má qualidade do serviço prestado pela COPASA em nossa cidade. O Poder Legislativo atendeu os pedidos da comunidade e no uso de suas atribuições investigou e confere agora ao Prefeito a decisão de criar ou não uma nova empresa para prestar os serviços de abastecimento e saneamento em Bom Despacho” destaca a Presidente da Casa.